facebook
Notícias

Banco de imagens traz “mulheres invisíveis” na sociedade

(Foto: Reprodução).

“Negras, gordas, lésbicas e trans retratadas de forma livre de estereótipos”. É assim que o projeto “Mulheres Invisíveis” traz a primeira coleção de banco de imagens com fotos de pessoas que podem ser encontradas nas ruas.

Dados como 48% das mulheres estão acima do peso, além de que a cada 28 horas um LGBT é morto no Brasil, segundo o levantamento do Grupo Gay da Bahia evidenciam como o banco será uma ferramenta para que essas mulheres deixem de ser invisíveis na publicidade, além de ser um convite à discussão do tema.

As imagens estão disponíveis na Fotolia e Adobe Stock e, segundo o projeto, a renda arrecadada com a comercialização será revertida para a expansão do banco.

O projeto é uma criação da 65/10, Catsu e a Adobe.

Confira algumas das imagens:

As imagens estão disponíveis no site oficial do projeto. Clique aqui e acesse.

 

INÍCIO